Ir direto para o conteúdo

Super coletânea de viagem+twitter

O Michel do Rodando pelo mundo criou uma coletânea enorme e super organizada dos melhores twitters de viagens.

Deve ter dado um trabalhão, pois ele criou listas para blogs e sites, projetos interessantes, expatriados, por região, por verba, por comes e bebes, etc – e tudo em ordem alfabética. Uau!

Tem muita gente legal por lá. E o mais bacana é que nós fomos os primeiros escolhidos para destaque da semana. Esse mês está cheio de presentes especiais para o Inquietos! Encerramos o ano felizes da vida! Muito obrigada Michel, não só por ter nos escolhido, mas também pela iniciativa.

O selo com o link está acima, é só clicar. Entre lá e não esqueça de dar os parabéns ao Michel pelo super trabalho, que vai facilitar muito a vida de quem gosta de viajar.

A Pictorial Guide to avoiding Camera Loss

Encontrei esse tutorial hoje – e apesar de não ser novo – achei simplesmente genial. Não resisti e reproduzi abaixo. O moço se chama Andrew McDonald e esse aqui é o blog dele.

Vou correndo comprar uma lousa e fazer o mesmo. Veja e depois me diga se não deu muitas risadas também.


Metrôs do mundo

Mais uma ferramenta útil para aqueles momentos que a preguiça de ficar procurando os mapas de metrô de seu próximo destino toma conta de você.

Nesse site todos os mapas num só lugar.

Free Walking Tour

Sabe aquele City Tour oferecido pelas agências de viagem? Pois eles nunca nos atraíram. Aquele sistema de passar correndo pelos pontos turísticos, ouvir uma descrição superficial e fotografar de dentro do ônibus (isso se você estiver sentado no lado certo) não tem como ser atraente. Em algumas situações pode até ser necessário ou cômodo, mas atraente não é.

Mas em Berlim conhecemos os Walking Tours organizados pela Sandemans New Europe Tours. Segundo eles, o objetivo  é proporcionar a todos “a oportunidade de participar dos melhores tours possíveis, descobrindo a beleza e as fabulosas histórias que as cidades européias têm a oferecer”.

Mas o que eles têm de diferente? Em primeiro lugar, o tour é gratuito. Você paga no final o quanto você acha que valeu a experiência. Isso faz com que os guias sejam mais dedicados, mais informados e menos robotizados. Em segundo lugar, todos os guias são jovens na faixa dos 25 a 30 anos, que já viveram em muitas capitais européias e tem muito o que contar e compartilhar. Em terceiro lugar, você pode optar  por espanhol ou inglês. Em quarto lugar e não menos importante do que os três primeiros itens, é um intervalo para tomar uma boa cerveja alemã e recuperar o fôlego.

Claro que você não terá uma aula de história profunda. E também não conhecerá toda a cidade, afinal você estará a pé*! Mas você vai se divertir bastante, vai ter a oportunidade de se localizar melhor e entender um pouco mais a cidade e ainda fazer amigos.

Para participar, encontre os guias em frente à Starbucks do Portão de Brandemburgo, às 11 horas. A duração  do passeio é de 3 horas e meia.

Eles oferecem ainda outros 5 tours, que não são gratuitos, mas também não são caros:

- Postdam, a cidade dos palácios (14 para adultos, 12 para estudantes)

- Berlim e o muro, a luta pelo poder (12 para adultos, 10 para estudantes)

- Tercer Reich, a capital nazista (12 para adultos, 10 para estudantes)

- Sachsenhausen, o campo de concentração (14 para adultos, 12 para estudantes)

- Pub Crawl, a noite de Berlim (12 para adultos, 10 para estudantes)

Os últimos dois nós fizemos e contaremos como foi em outro post.

Eles estão presentes em outras cidades como Amsterdam, Dublin, Edimburgo, Hamburgo, Jerusalém, Londres, Madrid, Munique, Paris e Tel Aviv.

* Eles também têm um bike tour gratuito no mesmo horário. O ponto de encontro é na Oranienburgerstrasse. É necessário fazer um depósito de 15 euros pela bike, mas o valor é devolvido no final.