Ir direto para o conteúdo

Viajando de avião com seu pet – o embarque

Após todos os cuidados pré-embarque que relatamos no post anterior, finalmente chegou o dia da primeira viagem de avião da Margot (e provavelmente a última). Eu nem imaginava o que estava por vir.

Vou contar o passo-a-passo de todos os acontecimentos, pois senti muita falta de um relato assim antes da minha viagem. É um pouco chato, mas para quem está levando um cachorro pela primeira vez, ajuda bastante a baixar a ansiedade.

Já no táxi, levamos a Margot dentro da caixa de transporte, para que ela fosse se acostumando com a aventura. Chegamos no aeroporto e fomos para o check-in da Tam. Fomos atendidos com tratamento vip e nos colocaram numa fila especial. O funcionário foi super tranquilo e paciente, respondeu todas minhas perguntas (muitas eu já sabia a resposta mas perguntei novamente para ter certeza).  Foi ele que fez a conferência de todos os documentos, a pesagem, colocou um adesivo informando que a caixa continha carga viva. Pedi que nos colocassem em poltronas na frente da aeronave, já que os cachorros são os primeiros a serem liberados na carga e eu queria desembarcar cedo para recebê-la. O funcionário conseguiu nos acomodar na primeira fileira. :)

Então nos direcionou para a loja da Tam para fazer o pagamento da passagem da Margot. O pagamento da passagem do animal é feito na hora do embarque, pois depende da pesagem do animal e do kennel. É a soma desses dois itens que determina o preço. O valor para levar o cachorro é R$90,00 + 0,5% tarifa cheia x peso do animal. No caso da Margot o cálculo foi assim:

R$ 1.388,00 tarifa cheia —> para cálculo do transporte, eles usam 0,5% desse valor, que é 6,94
R$ 6,94 multiplicado por 14kg (soma do cachorro + kennel) = R$ 97,16
R$ 90,00 taxa de transporte
TOTAL= R$ 187,16

Nesse momento já poderíamos ter deixado a Margot sob responsabilidade da Tam, mas como ainda faltava bastante tempo para nosso voo, pedimos para ficar com ela e o funcionário permitiu, o que mais uma vez me deixou satisfeita.

Quando faltava 45 minutos para nosso voo, entregamos a Margot para a Tam. Um segundo funcionário veio especialmente para buscá-la. Eu alertei que não a deixasse em nenhum local muito quente e mais uma vez me tranquilizaram: o local onde os cachorros aguardam é bem fresco, em geral, é mais provável que o cachorro fique com frio, especialmente num dia como aquele que tinha bastante vento. Pelo que entendi, eles ficam numa área coberta, mas aberta nas laterais.

E fomos para nosso portão de embarque. Até aí tudo bem, tão bem que elogiei pelo twitter. O passo-a-passo resumido do embarque:

1. Procurar o check-in da companhia aérea.

2. Verificar documentos e pesagem do animal.

3. Efetuar o pagamento da passagem do animal na loja da companhia aérea.

4. Entregar o animal para custódia da companhia aérea..

Vai viajar com seu pet? Leia também:

Cuidados antes de embarcar

O desembarque – e a quase tragédia

25 comentários

  1. Comentário do dia 23/12/2010 às 11:53

    to acompanhando desde o twitter, e ontem e hoje (já no aguardo de saber do desfecho amanhã). e pri, a wendy viaja direto e nunca teve nenhum problema, nenhum mesmo! to tão passada com a história da margot! e to com peninha dela que você não pos um colchãozinho no fundo da caixa pra ela ir fofinha! (eu ponho pra wendy mas fiquei encanada com a infor do calor que vc me deu – e a gente só viajou juntas até hoje de dia!). ;-)

  2. Comentário do dia 23/12/2010 às 12:51

    Fê, eu não quis colocar nenhum colchão ou cobertor justamente por causa do calor. No aeroporto ela estava com a cama dentro do kennel e conseguiu deslocá-lo completamente, fiquei com receio de tapar a parte de ventilação. Já publiquei o final da história! Bjs. Pri.

  3. Comentário do dia 23/12/2010 às 13:25

    eu vi na outra foto! a da wendy eu prego no fundo com fita dupla face (mas ponho uma bem fininha, tipo um colchãozinho de yoga).

  4. Priscila
    Comentário do dia 23/12/2010 às 14:00

    Boa ideia!

  5. Comentário do dia 23/12/2010 às 20:08

    Oi Priscila, há tempos atrás eu contei num post minha “novela” tb para embarcar um gato num avião em viagem internacional:

    http://www.interney.net/blogs/malla/2006/11/06/um_gato_pelo_mundo/

    Foi um pesadelo. No final deu tudo certo, mas é mais um relato, e pode tb ajudar outras pessoas q tentem viajar com bichinhos no futuro. :)

    Bjs!

  6. Fabiano
    Comentário do dia 12/1/2011 às 13:05

    Boa tarde,
    Tenho uma curiosidade no que vem a ser a tarifa cheia? Seria o valor da passagem na momento da viagem ou tem alguma tabela que eu possa consultar anteriormente?
    A passagem da Margot saiu por quanto?
    Obrigado.

  7. Priscila
    Comentário do dia 13/1/2011 às 10:01

    Simplificando, o preço da tarifa cheia é o preço da tarifa mais cara daquele voo. kkkkk
    Desmembrando esse preço:

    1.388,00 tarifa cheia —> para cálculo do transporte, eles usam 0,5% desse valor, que é 6,94
    portanto
    6,94 vezes 14kg (soma do cachorro + kennel) = 97,16
    mais
    90,00 taxa de transporte
    total
    187,16

    Aproveitei e coloquei no corpo do post tb. :)

  8. nadia lopes
    Comentário do dia 10/7/2011 às 23:58

    Nunca viajei com meu cachorro,nao consigo saber como faço, pretendo ir de amazonas para minas gerais com 3 paradas e tenho uma duvida, a passagens é comprada antes ou na hora? Porque li no site da gol q so é pernitido 2 caes por voo e tenho medo de nao consegui embarca-lo, e nao acho onde comprar ou reservar antecipadamente??? Desde ja obrigado!!!

  9. Priscila
    Comentário do dia 11/7/2011 às 08:46

    Nadia, funciona assim:
    1. Primeiramente você precisa comprar a SUA passagem.
    2. Com o número do e-ticket em mãos, você vai ligar para a cia aérea e solicitar o embarque de seu animal. Eles vão pedir algumas informações sobre ele, como raça, peso e o tamanho da caixa de transporte. Se vc ainda não tiver a caixa, pode passar um tamanho aproximado, pois eles não conferem isso no aeroporto.
    3. A cia aérea vai ligar de volta para você até 3 dias antes da viagem para confirmar se ele poderá embarcar ou não. Eu fiz isso com bastante antecedência e 1 mês antes de viajar eu já tinha a autorização para o meu cachorro embarcar. Até esse momento você não terá comprado a passagem do cachorro. A compra e o pgto são feitos somento no dia do embarque, quando eles fazem toda a conferência de documentos e a pesagem do animal. Somente com a pesagem em mãos é que você poderá fazer o pgto da passagem (essa parte está toda descrita aí em cima no post).

    Se estiver tudo em dia com a documentação e você tiver a pré-autorização, ele embarca com certeza. Quantos kg pesa o seu cachorro?

  10. Carina
    Comentário do dia 27/8/2011 às 21:15

    Quero levar meu Tchoco comigo para o Japão, mas tô super preocupada, anciosa, leio tudo sobre o transporte dos animais, se ele pode viajar comigo na cabine porque se for viajar durante todo o vôo no porão, longe dos meus olhos desisto de viajar na hora.

  11. Priscila
    Comentário do dia 28/8/2011 às 18:03

    Carina, vc vai viajar de férias ou está se mudando pro Japão? Pq se for de férias, eu aconselharia a deixá-lo no Brasil.
    São muitas horas de voo e desconforto para os dois, mesmo que vc consiga levá-lo na cabine.

  12. Thais
    Comentário do dia 31/8/2011 às 16:06

    Oi Priscila.
    Estou planejando viajar com meu cachorro e tenho lido tudo a respeito. Gostei muito do seu blog mas estou em pânico com seu depoimento!!!
    Queria levar meu cachorro comigo na cabine, já até reservei. Mas acontece que ele não cabe na bolsa do tamanho que a TAm exige. Ele é um pouquinho maior, apesar de no peso passar fácil, pois ele pesa menos de 4 kg.
    O Nick é idoso já, tem dez anos, por isso morro de medo do estresse que ele teria ao ir na carga. Além do mais, depois do que aconteceu com sua cachorrinha, e tantos outros que perdem o pet, vêm com kennel virado etc, de jeito nenhum que mando meu filhote na carga.
    Será que se eu comprar uma bolsa um pouco maior que a exigida (uns 4cm) eles vão implicar?
    Abraços e obrigada pelas dicas do blog!!!
    Thaís

  13. Priscila
    Comentário do dia 31/8/2011 às 16:49

    Thais, eu entendo bem o seu pavor! Mas fique tranquila, a Tam não mede o tamanho da bolsa, o mais importante é não ultrapassar o peso permitido.
    Claro, use o bom senso, não compre uma bolsa terrivelmente maior pra não chamar atenção deles.
    E lembre-se que vc terá que levá-lo nos seus pés e vai ficar bem apertado.

    Bjs e boa sorte!

  14. Eduarda
    Comentário do dia 13/9/2011 às 21:50

    Olá!
    Esse blog caiu do céu! Mudei de estado e preciso buscar minha filhota que já tem 15 anos. Não tem como viajar de outro modo que não de avião e na cabine. Mas, como é a primeira da Malu estou com muitas dúvidas. Ela tem 3,5 kg mas tem as pernas compridas e estou com medo de não caber em 36x33x25. Vc sabe se serve qualquer tipo de bolsa? se a bolsa tem que respeitar essa metragem? Desde já agradeço. abrs

  15. Priscila
    Comentário do dia 14/9/2011 às 14:45

    Eduarda, eles não medem o tamanho da bolsa, mas claro que sempre é preciso bom senso.
    Compre uma bolsa de tecido, que é mais maleável.
    Veja esse site aqui: http://amigosdepelo.blogspot.com/search/label/Bolsa%20de%20transporte%20para%20dogs%20and%20cats

    Bjs!

  16. Comentário do dia 02/1/2012 às 21:05

    pricila, vou me mudar para o rio de janeiro ,minha mae dis que o meu cachorro so podera ir se ele for na cabini com a gente e nao sei como funciona esse processo por favor me ajuda .meu cachorro pessa 1,9Kg Te emploro nao quero perder o meu pepynho

  17. Silvia
    Comentário do dia 04/7/2012 às 17:04

    Boa tarde, Vou viajar com meu cachorro Scooby, ja fiz a reserva do serviço Pet da Tam. Pergunto: Preciso embarca-lo naquelas caixas ou pode ser em uma bolsa. Agradeço o retorno.

  18. Comentário do dia 26/7/2012 às 17:15

    Olá Silvia,
    O mais recomendado é vc fazer contato e verificar as normas da companhia para o melhor tranposte do seu animal.

  19. Ivania
    Comentário do dia 12/9/2012 às 14:53

    Ola, Boa Noite
    Moro na Suiça e vou viajar com o meu cao de raça Yorshere em novembro para o Brasil.
    Estou cuidando da documentaçao aqui na suiça como vacinas em dia, ship, atestado de saude…
    Mais no Brasil sempre dar alguma coisa diferente e gostaria de saber o que realmente o Brasil exige de um cao para entrada ai.
    Obrigada

  20. Andreza
    Comentário do dia 25/9/2012 às 14:36

    Priscila, tudo bem??

    Sou de São Paulo e vou me mudar em Fevereiro para o Parana, porem minha Dog pesa 45 Kg… rsrsrs… isso mesmo, é um Pit Bull de 45 Kg e é fora de cogitação abandona-la com um parente, pois ela é minha filha!!

    Ja li inumeros blogs explicando como se procede!! Faltam alguns meses ainda, mas a cada dia que passa eu fico mais preocupada! A unica companhia que faz a minha cidade é a Gol, não quero levar minha filha no meio das cargas, gostaria que ela fosse do meu lado, (de preferencia no meu colo… rsrsr). Priscila, socorro, me ajuda!! Preciso saber de preços, e se eu corro o risco dela embarcar em outro voo, morrer sufocada no meio das malas alheias, ficar gripada! ELA É MINHA VIDAAA!!

  21. Comentário do dia 30/9/2012 às 20:44

    Olá galera ?
    Será que vcs poderiam me ajudar ? Eu nunca viajei de avião rsrs, meu shitzu é mini e pesa 3,5 será que daria pra levar como bagagem de mão ? e é pago se eu levar ele na bolsa pra cães ? Pq eu prefiro comprar uma bolsa e leva-lo comigo.
    Help !!!
    Bjinhos

  22. Comentário do dia 18/10/2012 às 08:51
  23. Comentário do dia 18/10/2012 às 08:58
  24. Comentário do dia 18/10/2012 às 16:40

    Olá Ivania,
    A melhor dica é entrar em contato com a companhia aérea que vai realizar o transporte e tirar todas
    as suas dúvidas.

  25. Ane Marie
    Comentário do dia 08/12/2012 às 01:20

    Por favor, gostaria de saber o TAMANHO da caixa ou bolsa para transporte de um pincher de 1 ano, pesando 3,400Kg, que é permitida pela TAM, para levá-lo comigo dentro da aeronave?
    Também pergunto, se devo comprar uma caixinha ou uma bolsa? Muito obrigada se alguém souber me responder.

3 Trackbacks

  1. Por Viajando de avião com seu pet – o desembarque | Inquietos em dezembro 23, 2010 às 12:53 pm

    [...] Passo-a-passo do embarque de cães Share and Enjoy: [...]

  2. [...] O passo-a-passo do embarque. [...]

  3. Por Margot na Folha de SP | Inquietos em março 24, 2011 às 9:38 am

    [...] Viajando de avião com seu pet – o embarque [...]

Comente você também

Seu e-mail ficará em sigilo. Campos obrigatórios estão marcados com *